Nossa História

about image

Texto escrito pela Dra. Angélica Justo, gestora da Escola Livre MG:

Tudo começou com uma pergunta que fiz para a Dra. Gudrun Burkhard e a equipe da Artemísia-SP, solicitando minha participação no grupo de pesquisa da metodologia biográfica. Poderia eu participar deste grupo? Isto aconteceu em 2003. 

Na época, fazia parte do Grupo Mineiro de Biografia, onde se promovia workshop biográfico e grupo de estudo de aprofundamento na metodologia biográfica.  Levei a questão para os componentes do Grupo Mineiro de Biografia, expondo que gostaria de ter uma participação no grupo de pesquisa da metodologia biográfica na Artemísia. 

O grupo foi de consenso que deveríamos solicitar a Formação em Aconselhamento Biográfico para Minas Gerais. Isto foi feito e acordado com a Dra. Gudrun e equipe, ficando responsável por esta iniciativa, eu e Berenice von Rückert, sendo que faríamos uma transição, sob a supervisão de um docente de São Paulo, momento em que eu estaria refazendo a Formação em São Paulo, na Artemísia, como estagiária de docência, e Berenice faria o estágio de docência em Juiz de Fora, com o início da Formação em Minas Gerais. 

Em 2005, deu-se início ao primeiro grupo de Formação Biográfica em Minas Gerais, no formato de Regional Minas, sob a coordenação da Associação Biográfica de São Paulo, com a denominação de Formação Biográfica Minas Gerais – Escola Livre de Estudos Biográficos. 

Em 2006, as escolas de São Paulo e Minas Gerais tornaram-se independentes. Minas Gerais passou a ser coordenada por mim e por Berenice von Rückert, com a denominação de Escola Livre Estudos Biográficos-MG e sob a supervisão da Dra. Gudrun Burkhard. 

Em maio de 2010, concluída a formação do primeiro grupo e iniciado o segundo, a escola foi reconhecida pelo Fórum Internacional de Formadores em Aconselhamento Biográfico- Dornach – Suiça. 

Ao longo do seu desenvolvimento, a Escola de Minas, passou por várias denominações:

  • 2005 – Associação Brasileira para o Trabalho Biográfico com Base na Antroposofia – Núcleo de Formação Biográfica – Regional Minas Gerais – Juiz de Fora;
  • 2006 a 2008 - Escola Filiada a Associação Biográfica Regional da Escola de São Paulo;
  • 2008 – Formação Biográfica Minas Gerais – Escola Livre de estudos Biográficos.
  • 2009 – 2010 – a Escola de Minas Gerais abandona a logomarca de São Paulo e usa a denominação Escola Livre – Estudos Biográficos – Juiz de Fora – Minas Gerais, sem qualquer logomarca. Suas atividades são supervisionadas por Drª. Gudrun Burkhard.
  • 2010 (fevereiro) – Escola Livre Estudos Biográficos – Juiz de Fora.
  • A Escola de Minas Gerais, cria sua própria logomarca, nas cores vermelho e laranja, em um movimento de virando uma página, para escrevermos uma nova página em nossa biografia, representado no vermelho no nosso sangue portador do nosso Eu e o laranja, representando o homem jupiteriano,  “ a nossa consciência vital”, que seria no processo evolutivo,   a próxima encarnação da Terra. Foi mantido o nome Escola Livre – Estudos Biográficos – Juiz de Fora – MG.
  • 2013 – É instituído em 20 a 21 de julho/2013, o Primeiro Fórum Brasileiro das Escolas Livres , abarcando as Escolas de São Paulo, Minas Gerais e Santa Catarina (Florianópolis) alocada na Associação Sagres – “Centro Antroposófico de Educação” que oferece o curso “Biografia e caminho Iniciático”.
  • 2014 (outubro) – a Escola Livre – Estudos Biográficos de Minas Gerais – Juiz de Fora inicia a Turma IV com um novo currículo, criado pela gestora pedagógica Drª Angélica Alves Justo, apresentando módulos curtos e longos com o objetivo de dinamizar o curso “sem perder a qualidade, mas trazendo a essência dos módulos”, atendendo assim uma demanda social. O impulso para esta mudança surgiu, segundo ela, a partir da experiência de sete anos com a escola e o anseio de trazer vitalidade para a escola no seu segundo setênio. Para implementar este novo currículo a escola passou por mudanças administrativas sendo criada uma nova estrutura de funcionamento, ficando a gestão sob a coordenação de Drª Angélica Alves Justo. Berenice von Ruckert sai do quadro de gestora e permanece como docente.
  • Em 2016 a logo é alterada, com os seguintes dizeres: Escola Livre- Antroposofia – Formação e Estudos Biográficos, mantendo a mesma imagem, que é de uma página virada, nas cores vermelha do sangue e laranja, representando a força do processo evolutivo para a próxima encarnação da Terra, quando passaremos por um processo e maior consciência e de eterização da matéria. Por isto precisamos de maior consciência em nosso processo biográfico, através da metodologia biográfica. Berenice solicita a sua saída do quadro de docentes da escola.

 

Atualmente a Escola Livre MG está filiada a diversos órgãos onde se faz representar:

– International Trainers Forum (ITF);

– Fórum Nacional das Escolas de Formação em Aconselhamento Biográfico;

– Associação Brasileira para o Trabalho Biográfico com Base na Antroposofia;

                                                                                                                                                              MISSÃO, VALOR, FINALIDADE

MISSÃO – Oferecer e criar condições para a divulgação, aprendizado através da autoeducação, autodesenvolvimento e capacitação profissional a partir dos preceitos do Aconselhamento Biográfico e da Antroposofia.

VALOR – Cuidar para que a Formação Biográfica permaneça fundamentada na metodologia biográfica criada por Drª. Gudrun Kroekel Burkhard e na Antroposofia, Ciência Espiritual de Rudolf Steiner.

FINALIDADE – Promover a formação de pessoas para o trabalho de Aconselhamento Biográfico e apoiar o desenvolvimento da ampliação profissional de diversas áreas da saúde e demais atividades profissionais e contribuir para a oficialização dessa nova profissão. 

 

Equipe Escola Livre MG:

Gestora: Angélica Alves Justo

Supervisão: Gudrun Burkhard

Administrativo e Financeiro: Michelle Abritta Brito Dilly

Administrativo e Pedagógico: Dra. Laura de Lira e Oliveira e Nilda Barbosa de Almeida

Secretária: Tereza Cristina Campos de Oliveira

Enfermeira e Massoterapeuta: Clara Maria de Carvalho.

Docentes: Dra. Angélica Alves Justo, Dra. Júlia Beatriz Chiericatti, Dra. Laura de Lira e Oliveira, Luís Henrique Sant’Anna,Mariângela Horta, Marli Ribeiro.

Docentes convidados: Amparo Del Moral, Elzimar Campos Guimarães, Emi Morgado, Jair Moggi, Lucam Justo de Moraes, Marilda Milanese, Rita de Cassia Gomes de Almeida, Ronaldo Perlatto, Simone Ceregatti, Solange Castilho.